POESIA E PROSA

Imprimir

CERCA QUEM TE SONHAS

5/11/2009

Donald Winnicott constituiu um arcabouço original para pensar o ser humano e as intervenções psicoterapêuticas. Quando perguntado sobre os fundamentos de suas teorizações, saía com essa: "Inspirei-me nos filósofos e nos poetas", e mais não dizia. Lendo o Cancioneiro de Fernando Pessoa, deparei-me com "Conselho":
 
Cerca de grandes muros quem te sonhas.
Depois, onde é visível o jardim
Através do portão de grade dada,
Põe quantas flores são as mais risonhas,
Para que te conheçam só assim
Onde ninguém o vir não ponhas nada.
 
Faze canteiros como os que outros têm,
Onde os olhares possam entrever
O teu jardim como lho vais mostrar.
Mas onde és teu, e nunca o vê ninguém,
Deixa as flores que vêm do chão crescer
E deixa as ervas naturais medrar.
 
Faze de ti um duplo ser guardado;
E que ninguém, que veja e fite, possas
Saber mais que um jardim de quem tu és –
Um jardim ostensivo e reservado,
Por trás do que a flor nativa roça
A erva tão pobre que nem tu a vês...

Entre os conceitos da teoria de Winnicott, os constituintes do ser: o de falso self – o visível jardim, e o de self verdadeiro – um outro jardim reservado onde "a flor nativa roça a erva pobre que nem tu a vês...". O íntimo mais próprio, o santuário precário de cada um que não deve ser tocado por ninguém: "cerca de grande muros quem te sonhas".
 
Não sei se Winnicott leu Fernando Pessoa, mas parece que sonharam juntos.

COMENTÁRIOS:(2)

  • 6/11/2009 16:22:09
    Nome:PIERRE
    Comentário:Penso a mesmíssima coisa a propósito de Clarice Lispector. Pra mim, os 3 tão "lá em cima" numa conversa que tão cedo não acaba.

  • 11/11/2009 16:50:14
    Nome:VIRGINIA
    Comentário:"Erva tão pobre", bela imagem para nossa profunda precariedade e para a "solidão essencial" de que nos fala o Winnicott.

Envie seu comentário

voltar

Irmãs Ross...Uma relíquia
Fantásticas, famosas na época.

.

Psicotramas

16/08 - Lançamento do livro Crônica de uma Ilha Vaga
Núcleos de Formação Permanente no CEP

Psicorama © - Todos os Direitos Reservados
psicorama@psicorama.com.br

MFSete